Google muda foco nos Games Stadia e visa novos negócios

A empresa californiana anunciou o fechamento de seus estúdios de games Stadia, especialmente por não ter alcançado os resultados desejados.

A princípio, a ideia era oferecer um serviço inovador, onde o usuário teria acesso a qualquer título sem a necessidade do uso de um dispositivo de última geração.

Infelizmente, a corporação precisou reavaliar a situação e agora está focando em novos negócios.

Confira, a seguir, quais foram as justificativas e qual será o direcionamento do Google a partir de agora.

Conheça um pouco da história

A gigante de tecnologia lançou no fim de 2019 o projeto Stadia, que a princípio, tinha como objetivo superar as expectativas dos usuário, onde viabilizaria jogos online com a mesma qualidade entregue em consoles, sem precisar baixá-los ou adquirir equipamentos apropriados.

Além disso, o estúdio ainda cogitava em criar títulos exclusivos, como foi o caso de Assassin’s Creed 1 e 2, Splinter Cell: Blacklist e Metal Gear Solid 4.

No entanto, a repercussão que esperavam não foram atingidos, e por conseguinte, foi dado a resolução de encerrar as atividades, concluindo-se menos de dois anos de atuação desde sua abertura.

Fechamento da plataforma de streaming: Por que?

A companhia, em um comunicado oficial, declarou que criar entretenimento eletrônico com uma performance de alto nível sem precedência de uma finalidade, requer muitos anos de trabalho e investimentos significativos, na qual os custos crescem de maneira exponencial.

Por conta disso, a equipe interna associada a tal proposta , decidiu findar a geração de conteúdos inerentes.

Entretanto, antes da sentença ser efetivada, serão lançados alguns games que já estão em fase final de desenvolvimento.

Junto a isso, a canadense Jade Raymond, principal representante da entidade e antiga produtora de gráficos da Ubisoft, contratada pelo Google para ser dirigente do negócio em 2019, também afirmou sua saída.

Leia também:  Melhores pacotes de Tv por assinatura

Além disso, no fim do ano passado, a Amazon deu ascendência à um serviço do mesmo segmento, que por sua vez recebeu o nome de ”Luna”, tornando-se uma forte concorrente, assim como a plataforma xCloud da Microsoft.

E o que vai acontecer?

Com a divergência de suas operações, a interface têm como intuito agora, terceirizar sua tecnologia para outras instituições que buscam avançar dentro deste âmbito.

Ou seja, cabe agora a parceiros a responsabilidade de enriquecer o catálogo e produzir novos programas de recreação.

O Google ainda relatou que o ofício não irá fechar suas portas, apenas adicionará o desempenho de cônjuges ao seu servidor.

Algumas pessoas podem estar se perguntando: quais serão os parceiros que vão querer investir se a maior página de busca da internet não deseja mais investir em sua própria invenção?

É ainda uma pergunta que a empresa deve responder.

É claro que a inovação Stadia funciona em grande escala, tanto que a projeção do Cyberpunk 2077 foi um dos maiores sucessos da desenvolvedora.

Entretanto, a sociedade está longe de abandonar o Stadia, e a ideia é entregar uma nova maneira de entreter.

Como acreditam que jogar a distância é o futuro da indústria, não importa em qual tela, eles vão continuar dedicando-se para oferecer a melhor experiência aos integrantes e ao grupo dos jogadores.

Para isso, estenderá suas técnicas à colaboradores que possuem a mesma objetividade, o que parece ser uma modificação profunda de estratégia, onde poderá crescer referencialmente por meio da concepção de seus afiliados.

Agora, só nos resta esperar o que ainda está por vir!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *